Blog da Chris

Ex-prefeito Silveira Júnior não se mostra preocupado com decisão da Câmara Municipal.

Silveira Júnior (Foto: publicação)

Nesta quarta-feira (19), a Câmara Municipal de Mossoró votou pela reprovação das contas do último ano (2016) da gestão do ex-prefeito Francisco José Júnior.

O blog entrou em contato com o ex-prefeito, o qual afirmou, de início, que recebeu o resultado com normalidade, mas enalteceu o viés político da decisão, devido a uma forte politicagem que existe contra o nome dele.

Recebi o resultado com normalidade. A politicagem em torno do meu nome é muito forte. A prefeita (Rosalba Ciarlini) até hoje não esquece o meu nome, toda hora em evidência”, disse o ex-gestor.

O ex-prefeito também afirma que não recebeu notificação para sessão que iria julgar suas contas: “A manobra política foi tão grande que esqueceram até de me notificar da sessão que iria ter o julgamento das contas, para que eu pudesse me defender”.  

Quanto às contas, o ex-prefeito disse estar tranquilo, e lembrou que a competência para enviar documentos para o Tribunal de Contas do Estado é da assessoria contábil, não da pessoa do prefeito.

As contas que vieram a ser reprovadas pelo Tribunal de Contas não têm nenhuma irregularidade. A única coisa que aconteceu foi que não foram enviadas a Lei de Diretrizes Orçamentaria (LDO) e a Lei Orçamentaria Anual (LOA). Assim, em virtude da falta dessas leis, o TCE não tinha parâmetro para poder analisar. Foi prestado contas e está tudo dentro da legalidade”.

Por algum lapso de esquecimento ele (contador) não enviou essa Lei Orçamentaria à época, e como eu estava fora, estudando em Foz do Iguaçu, essa notificação do TCE não chegou a mim, me pedindo a Lei Orçamentária, que poderia até ter sido enviada via e-mail, já que tem na internet”.  

Ainda o ex-prefeito: “Mas, temos outros meios para mostrar, e não temos muita preocupação em relação a isso, porque não houve má fé. O que aconteceu é que eu estava cursando Medicina fora e acabou passando despercebido a questão do endereço. Mas estou tranquilo, o resultado não esperava outro”.

Silveira também agradeceu aos vereadores que saíram em sua defesa e disse que agora espera que seja esquecido, já que está inelegível. Disse também que está em outro projeto, o de ser médico, e que não tem nenhum projeto politico a médio e longo prazo.

“Já dediquei 22 anos de minha vida à política, está na hora de assumir novos voos, e realizar um sonho”.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.                                          

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Twitter